O absurdo veto ao Morumbi na Copa

Em vez do novo estádio de Pirituba, que tal a construção de um novo hospital na região?

por: Paulo Sérgio Xavier Dias da Silva

(artigo publicado no DCI em 01/07/2010)

Durante a realização da Copa do Mundo da África do Sul, a Fifa veta o estádio do Morumbi, alegando “falta de garantias financeiras”.

O Estado de São Paulo,a mais importante unidade federativa do País e onde se pratica o melhor futebol brasileiro, está ameaçado de não participar da próxima Copa do Mundo, a ser realizada no Brasil em 2014.

Alegando falta de garantias financeiras suficientes, a Fifa vetou o estádio do Morumbi,

mas os motivos verdadeiros estão escondidos debaixo do tapete. Não foi diretamente a FIFA quem impugnou o Morumbi, mas a CBF, que tem outros interesses e vantagens a obter com a proposta de construção de um novo estádio na região de Pirituba. Tudo em indica que a Prefeitura de São Paulo, que ainda não quer assumir publicamente seu apoio a essa nova empreitada, já teria assegurado as garantias financeiras necessárias.

Não se pode admitir que um estádio totalmente construído, que já foi palco de grandes espetáculos esportivos e culturais e que depende de algumas adaptações, possa ser preterido sob alegações de falta de garantias financeiras.

Se a prefeitura vai oferecer essas garantias para o estádio em Pirituba, por que não as disponibiliza para o Morumbi?

Atrás dessa maracutaia está o interesse escuso da CBF, mancomunada com grupos financeiros e grandes empreiteiras que terão muito a lucrar com a construção de um novo estádio.

Essa afirmativa de que não vai entrar dinheiro público na edificação ou reforma dos estádios, nos diferentes estados brasileiros, é história para boi dormir, pois a maioria dos projetos vai contar com empréstimos do BNDES.

Por acaso os recursos desta instituição de fomento não são públicos?

O Brasil tem carências mais significativas nos setores de saúde, educação, segurança, infraestrutura e logística, e não pode ficar financiando a construção de novos estádios de futebol.

Estes devem ser bancados exclusivamente pela iniciativa privada. Em vez do novo estádio de Pirituba, que tal a construção de um novo hospital, de escolas e conjuntos de casas populares para a população de baixa renda naquela região?

O Morumbi já está praticamente pronto e os demais projetos ainda não saíram do papel— e estão quase todos com seu cronograma de obras atrasado.

Por que essa rigidez com o estádio do tricolor, enquanto vários estádios estão em condições inferiores e na estaca zero? E o Maracanã, também não vai ter apoio governamental?

O Morumbi foi erguido com recursos do São Paulo Futebol Clube, que durante sua construção sacrificou sua equipe de futebol e sua reforma está sendo feita também por conta própria. Conseguir garantias financeiras para o Morumbi não é tão difícil assim, basta dar mais um tempo, ainda mais pela capacidade da diretoria do São Paulo e por seu bom relacionamento com as instituições financeiras.

Até a Fifa está lavando as mãos, e o seu secretário-geral,Jérôme Valcke,confidenciou que os responsáveis pelo veto são a CBF e o Comitê Organizador local, ponderando que o São Paulo F.C. apresentou vários projetos. Só que não reconheceu que, a cada projeto encaminhado, novas exigências eram adicionadas.

É mais uma jogada da CBF contra o futebol brasileiro, que por sua incompetência e falta de postura deixou o Brasil escapar de ser hexacampeão, na Alemanha, em 2006, ao vender as transmissões dos treinos da nossa seleção, que deveriam ser secretos, a uma emissora de televisão estrangeira, além de não coibir a bagunça e as noitadas de alguns jogadores, que não estavam comprometidos com a importância de defender a Camisa Canarinho.

E o mais triste é que o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, se diz são-paulino.

Como economista e torcedor do tricolor paulista, tricampeão mundial e hexa brasileiro, não podemos aceitar essa bandalheira com o Morumbi, que ainda ostenta o título de maior estádio particular do mundo.

Para acabar com essas mazelas, vamos protestar veementemente, fazendo bastante barulho em frente da sede da CBF, com as nossas tricolores vuvuzelas.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: